Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]


20
Jan14

A fauna da Loja do Cidadão

por O Arrumadinho

Passar um dia na Loja do Cidadão permite-nos perceber melhor as pessoas que nos rodeiam. Entre os que passam cinco horas a olhar para o ar, até aos que dormem e ressonam nas cadeiras desconfortáveis, encontra-se de tudo. Mas há algumas figuras peculiares. Destaco aqui cinco géneros.

 

O Chico-esperto

 

— Maria, que número tens? 

— O D256. Vai no D224, ainda falta.

 

O Chico-Esperto olha para o ecrã táctil onde se tiram as senhas, espreitando pelos óculos na ponta do nariz. 

Carrega, depois, no visor e recolhe uma senha e vai levá-la à mulher, todo orgulhoso.

 

— Toma lá esta. É o 0123. Vai no 0121, és já a seguir.

— Mas viste o que quer dizer o O?

— Não. 

— Então vê lá.

 

O homem volta para perto do visor, e espreita pelos óculos, desconfiado.

 

— Hum, o 0 é para passaportes.

— Pois, eu disse-te. 

— Não faz mal, faz-te de parva que eles são obrigados a atender-te na mesma.

 

O mentiroso exagerado

 

Às 15h25, um homem mete conversa com a mulher do lado.

— Isto está impossível. Estou aqui desde as dez da manhã.

— Pois, imagino. Eu só cheguei às 13h30 e já não tenho posição, imagino o senhor. Que número é o seu?

— É o C174.

 

Foi nesta altura que olhei para a minha senha. Eu era o C150 e tinha chegado às 11h10, logo, o mentiroso tinha chegado por volta das 12h ou 12h30 e estava ali a armar-se em vítima.

 

O porcalhão

 

Um pai espera com uma criança sentada no banco ao lado. Do outro lado estou eu. 

O miúdo espirra para cima do pai.

 

— Hei. Espirra para o outro lado! — disse o pai.

 

Para o outro lado? Para cima de mim, portanto, é isso?

 

A desgraçada

 

Uma mulher na casa dos 40 anos senta-se ao meu lado. Começa a ver o telemóvel. Passados uns minutos guarda-o e cobre a cara com a mão. Achei que iria adormecer. Não. Passados uns segundos desata a chorar, com as lágrimas a escorrerem-lhe pela cara.

Olhei a medo para a senhora, que soluçava. Toquei-lhe ao de leve, sem saber muito bem o que fazer, e lá arrisquei:

 

— Precisa de alguma coisa?

 

Ela olha para mim, com a cara esborratada, e finge um sorriso.

 

— Olhe, preciso que me saia o Euromilhões.

 

Fiquei sem saber o que dizer. Sorri de volta, pronto. 

Lá limpou a cara e voltou ao telemóvel.

 

A "distraída"

 

Quando estava a ser atendido, na mesa do lado, chega uma rapariga, que devia ter uns 30 anos, e entrega a senha. O senhor olha para ela de alto a baixo e pergunta a medo:

— A senhora é prioritária porque....?

— Eu? Não, não sou.

— Está grávida?

— Não.

— Então porque é que tirou a senha prioritária?

— Tirei? A sério? Oh, meu Deus, nem reparei. Estou aqui há duas horas e nem vi isso.

— Pois, mas se não é prioritária não vai dar...

— Mas vou ter de ir para o fim da fila? Eu estou aqui há duas horas! Não me pode atender, já que estou aqui? Por favor, eu não posso perder outro dia para vir aqui.

— Pois, se não é prioritária não a vou poder atender. 

 

E lá foi ela a dizer mal da vida e do homem.

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:35


22 comentários

Sem imagem de perfil

De Paula a 20.01.2014 às 21:52

Eu um dia vi um homem desmaiar e cair pelas escadas rolantes a abaixo...
Isto foi a sério.
vidademulheraos40.blogspot.com (http://vidademulheraos40.blogspot.com/).
Sem imagem de perfil

De Filipa cortez a 20.01.2014 às 22:29

Uma pequena amostra da sociedade que temos... Os xicos espertos desta vida tiram me do serio!!!
Sem imagem de perfil

De Rita a 20.01.2014 às 22:46

Ri-me tanto a ler isto, o texto está qualquer coisa!

Como tinha saudades do arrumadinho!
Sem imagem de perfil

De carolina oliveira a 20.01.2014 às 22:56

Vejo que a parte positiva deste dia foram os posts! So mm o Ricardo e a Ana para me fazerem rir!!
Sem imagem de perfil

De Cláudia Azevedo a 21.01.2014 às 00:34

É triste, mas não resisti e fartei-me de rir!! Já tinha saudades de disto.
Aproveito para lhe desejar as melhoras.
Sem imagem de perfil

De Catarina a 21.01.2014 às 00:36

Vi-te lá hoje, por volta das 15h30 :) estava caótico!
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 21.01.2014 às 00:42

Pelo menos que os funcionários daí repararam que não é prioritário e não atenderam, porque já vi muita gente a tirar senha de prioritário e esperar que os funcionários reparem e nada.
Sem imagem de perfil

De Nuno Seixas a 21.01.2014 às 08:15

Neste momento, todas essas pessoas estão de cama, adoentadas, vitimas da gripe do Ricardo. Tcharan!
Sem imagem de perfil

De POC a 21.01.2014 às 09:37

Ou seja, ir à Loja do Cidadão vale sempre a pena. É um revigorar de alma.
Sem imagem de perfil

De Pronta e Vestida a 21.01.2014 às 09:46

Pois, a mim o que me custa mais são mesmo os espirros e tossidelas para cima de mim.

Está tudo resolvido?

www.prontaevestida.com

Comentar post


Pág. 1/3




A minha segunda casa


Sigam-me


Os meus livros


Sigam-me no SAPO

foto do autor


Coisas mais antigas

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D




Google Analytics



SAPO Blogs