Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]


Há dias, na NiT, estávamos a falar sobre um tema sempre divertido: a presença dos pais, tios ou avós nas redes sociais. Uma colega dizia-me que partilhava muito pouca coisa no Facebook, precisamente, por ter receio dos comentários que uma tia (demasiado ativa) poderia fazer. É daquelas senhoras que adoram ir lá dizer "ah, que sobrinha mais linda! Cá beijinho à tia". Pela mesma razão, disse-me sentir orgulho pelo facto de a mãe não estar no Facebook.

Claro que quando ouvi aquilo tive de lhe dizer que não é motivo de orgulho uma mãe não estar no Facebook, quanto muito será um alívio (pelos potenciais embaraços que nos poupa). Eu, pelo menos, tenho muito orgulho em ter a minha mãe no Facebook, não tanto por aquilo que ela partilha, comenta ou publica, mas pelo simples facto de manifestar a preocupação e o desejo de estar numa plataforma que para muitas pessoas da geração dela é uma coisa estranha e sem qualquer interesse.

 

A verdade é que, efetivamente, nem toda as pessoas que estão hoje na casa dos 60 anos têm essa vontade de aprender, de querer perceber novas tendências e fenómenos, e acho admirável quando isso acontece. Não é fácil, para uma pessoa que viveu toda a vida sem Internet e redes sociais, sem telemóveis e smartphones, de repente, do nada, entrar em todos estes mundos novos, realidades que para nós são simples e imediatas mas para as pessoas mais velhas são demasiado complexas e, sobretudo, dispensáveis, são coisas que não são percebidas por eles como uma necessidade. Se para as gerações que hoje têm 20, 30 ou 40 anos as redes sociais são quase indispensáveis, para os mais velhos, de 60 ou 70, não o são, pelo contrário, são apenas fenómenos incompreensíveis.

 

Mas isto tudo para vos contar que hoje a minha mãe deve ter andado a remexer lá nos baús de recordações e encontrou uma série de fotos antigas. Claro que no meu Facebook apareceu logo uma minha em bebé, o que até podia ser constrangedor, não se desse o facto de eu ser um bebé absolutamente querido e fofinho. Mas há mais. É incrível perceber que o meu filho mais novo é a minha cara chapada de quando eu era bebé (se bem que eu era mais rechonchudo). Já tinha notado isso em algumas fotos antigas, mas nesta, então, as semelhanças são evidentes.

 

Só que isso acabou até por ser secundário, depois de ver uma foto da minha mãe com 17 anos. Ainda hoje, ela é uma mulher muito bonita, mas naquela altura, meus amigos, naquela altura, ui, ui. Depois cresceu, e aos 20 e poucos era um mulherão, cheia de pinta. E já que ela partilha fotos minhas em bebé no Facebook, eu partilho fotos dela no meu blogue. Digam lá se não tenho uma sexy mama. 

 

 

mamaeu.jpg

 

Este sou eu aí com um ano, mas poderia perfeitamente ser o Mateus — somos iguais

mama01.jpg

 

A minha hot mama com 17 aninhos

mama02.jpg

 

E aqui com 20 e poucos 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:12


17 comentários

Sem imagem de perfil

De Lara a 12.01.2016 às 23:05

A tua mamã na segunda foto parece a princesa Diana. Muito gira!
Sem imagem de perfil

De Manuela a 13.01.2016 às 05:06

Concordo. Parece mesmo a princesa Diana. É muito bonita!
Sem imagem de perfil

De Teresa Simões de Carvalho a 13.01.2016 às 07:31

Bom dia Arrumadinho
O Mateus é igual ao pai.
A mãe é muito gira, um espectáculo.
Adorei o elogio à geração e ao facto de partilharem estas recordações que acho adoráveis.
Cá em casa tenho a minha mãe que não utiliza mas compreende a utilidade/necessidade, gosta e vem para junto de mim para ver os post.
No dia do aniversário dela colocamos sempre no meu perfil a foto dela com a alusão do aniversário e são milhares de mensagens, que eu tenho de responder, em regra tiro sempre o dia de férias, passo o dia inteiro a ver o fb . É a 21 de Janeiro, este ano são 92 anos.
Um bom ano de 2016
Sem imagem de perfil

De Patricia a 13.01.2016 às 00:02

Recordar é viver, tal pai tal filho, q doce, sabe tão bem estes momentos ! Parabéns à mãe ! Uauu certamente atriz de um filme francês ! Lindíssima !
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 13.01.2016 às 00:23

A tua mãe dava 100 a 0 á tua mulher
Imagem de perfil

De O Arrumadinho a 13.01.2016 às 10:13

São opiniões. Eu gosto muito das duas.
Sem imagem de perfil

De Inês a 13.01.2016 às 11:23

É preciso ser-se completamente insensível para fazer este tipo de comparações que, para além de serem muito constrangedoras, fazem com que, neste caso, a Ana Garcia Martins se possa sentir humilhada ou menosprezada...
É horrível comparar assim duas pessoas... Objetificar assim as pessoas! Eu sentir-me-ía pessimamente se visse um comentário assim sobre mim!
Há pessoas que não pensam mesmo no que dizem. Dizem, e pronto. Na internet nada tem consequências...
Será que para elogiar a mãe do Ricardo (que aparentemente é, de facto muito bonita) é preciso desprezar a mulher dele?
Isto dá -me tanta raiva que por mim ficava aqui a resmungar até acabarem os caracteres da caixa de comentários!
GRRRR!
Sem imagem de perfil

De Inês a 14.01.2016 às 14:57

Virgens ofendidas. Virgens ofendidas everywhere.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 13.01.2016 às 23:51

Não havia necessidade de um comentário deste género.....enfim!!!!!
Sem imagem de perfil

De Alda Lopes Moreira a 13.01.2016 às 09:08

Eu tenho um orgulho imenso da minha mãe, pessoa humilde que veio da provincia, sem estudos, na casinha dos 64...estar no facebook, no whatsapp e a aprender inglês :D
Sem imagem de perfil

De Ana Rita a 13.01.2016 às 09:30

Adoro a segunda foto da tua mãe, espetacular!!!
Sem imagem de perfil

De fernanda freitas a 13.01.2016 às 09:46

gira que se farta!
Sem imagem de perfil

De Joana a 13.01.2016 às 10:11

Wow! A tua mãe era mesmo uma brasa... :)
E o Mateus sim, é muito parecido contigo. Putos ingratos que passam 9 meses nas barrigas da mãe e vão sair parecidos com os pais. Conheço o género..
Sem imagem de perfil

De Marcia a 13.01.2016 às 10:51

Não te acho nada parecido com o Mateus. Já a tua mãe, na segunda foto, parece irmã gemea da princesa Diana.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 13.01.2016 às 13:29

Muito bonita a Senhora, e tal como já alguém comentou, mal vi a 2.ª foto, lembrei-me logo da Princesa Diana.
Sem imagem de perfil

De Carla Marques a 13.01.2016 às 20:10

A tua mãe era mesmo muito gira e tenho a certeza que continua uma mulher interessante.
O Mateus também tem muito da Ana, acho que é uma mistura. Sorry. :)
Mas é uma mistura perfeitinha.

Eu não tenho orgulho nenhum em ver o meu pai, de 64 anos, no Facebook. Também não tenho vergonha. É lá com ele se quer estar no Facebook ou não mas confesso que preferia que não estivesse.

O que ele já sabe é que está proibidíssimo que colocar fotos minhas ou da minha filha no Facebook, a não ser em grupos de família, fechados.

Mas ele nem sequer comenta nada de especial, é tudo muito light.
Já a minha sogra não se inibe nada nos comentários mas aos dela até acho piada... já o meu namorado, nem por isso. :P

Comentar post


Pág. 1/2




A minha segunda casa


Sigam-me


Os meus livros


Sigam-me no SAPO

foto do autor


Coisas mais antigas

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D




Google Analytics



SAPO Blogs